gamerslance.com

Mordheim: Cidade dos Amaldiçoados - Revisão


Os 40.000 desenvolvedores do Warhammer tentam novamente e iniciam um novo projeto do qual estamos falando Mordheim: Cidade dos Malditos, fundindo os elementos típicos da série Warhammer ao implementar criaturas e monstros de todos os tipos e tipos, tudo para conquistar as terras amaldiçoadas.

A história

A história ganha vida após a queda do cometa bicaudal na cidade dos condenados, dando vida a um campo de batalha dominado pelo sangue e pela violência no qual gangues se revoltam pelo controle das áreas mais quentes da cidade, dedicando-se a enquanto procuram os fragmentos de Malapietra lançado pela queda do meteorito.




Os fragmentos dão glória e poder a quem os encontra e, portanto, levam qualquer indivíduo a aspirar ao papel de conquistador supremo.

O jogo gira em torno da escolha da turma, que se divide em: Culto dos possuídos, Skaven, Irmãs de Sigmar e Mercenários do império.

Uma vez que tenhamos escolhido nossa banda, teremos que guiá-la no campo de batalha fazendo as escolhas do gisute e escolhendo o equipamento certo com base na batalha que nos é proposta.

Quanto mais missões completarmos, mais pontos teremos, para que possamos aprimorar melhor nossos soldados e nossos capitães, até porque o jogo aumentará exponencialmente a dificuldade à medida que você avança.

Antes das batalhas será possível estudar melhor a estratégia de abordagem, através de uma série de menus táticos, já que será necessário avaliar quantas perdas teremos durante a missão e quantas dos nossos ficarão totalmente feridos.

Durante a batalha, podemos escolher usar um determinado local para enfrentar um determinado inimigo, a fim de ter uma vantagem tática.




Obviamente, durante a luta não faltarão objetos ou equipamentos ocultos que só podem ser obtidos em determinadas missões, afinal estamos acostumados com esse tipo de coisa.

O multijogador

O setor multiplayer desempenha um papel importante dentro do jogo, já que o confronto entre gangues online nos leva a avaliar o melhor das estratégias disponíveis em nossa bagagem mental pessoal.

Às vezes, as lutas vão exigir um esforço sobre-humano, principalmente contra pessoas mais experientes, pois vimos nosso time ser massacrado e mutilado várias vezes apesar de ter uma vantagem tática sobre o adversário.

As batalhas dentro do jogo são decididas por um dado virtual, onde, uma vez lançado, saberemos quanto dano causaremos e quanto dano receberemos.

Por se basear em um sistema quase de "sorte", toda ação deve ser calibrada com o mínimo cuidado se você não quiser ser derrubado e zombado pelo inimigo em nenhum momento.

Os gráficos são adornados com um setor gráfico não muito ruim, que consegue se defender bem, principalmente nos modelos poligonais dos personagens.

Devemos dizer que a Cidade dos Amaldiçoados também se caracteriza muito bem, mesmo que, no longo prazo, os lugares sejam todos iguais.

Embora a banda sonora não seja excelente, cumpre o seu papel visto que é acompanhada por uma dublagem discreta que o torna uma figura suja no jogo.


Infelizmente o título não está isento de defeitos, de fato nas primeiras horas do jogo encontramos uma taxa de quadros de dançarino, não devido ao nosso Computador.


O título sofre de alguns bugs nas animações e um certo lag de entrada em alguns pontos do menu do covil.

Outra nota negativa está no áudio fora da tela, na maioria das vezes parece que as vozes vêm de longe, embora nosso personagem esteja bem na nossa frente.


conclusões

Em conclusão, podemos dizer que o título não é inteiramente mau, apesar dos mil problemas que o afligem, visto que durante o período em que estivemos envolvidos no jogo Mordheim nos divertimos e verificamos algumas novas mecânicas muito satisfatórias.

O título oferece várias horas de diversão, principalmente para quem adora o componente online, pois vai testar a experiência e a mente do jogador para poder enfrentar adversários de todo o mundo.

Por fim, Mordheim: City of the Damned é um título que gostaríamos de recomendar apenas aos fãs do gênero, já que para quem é novo na área vão achar o jogo muito enfadonho e repetitivo.



Adicione um comentário a partir de Mordheim: Cidade dos Amaldiçoados - Revisão
Comentário enviado com sucesso! Vamos revisá-lo nas próximas horas.